Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Fernando Pessoa

por Telha a telha..., em 17.03.14

Hoje trabalhámos um bonito poema de Fernando Pessoa, o mais universal poeta português, uma vez que as suas obras literárias são admiradas além fronteiras.

Fernando António Nogueira Pessoa nasceu em 13 de junho de 1888 na cidade de Lisboa e morreu, na mesma cidade, em 30 de novembro de 1935.

Fernando Pessoa usou nomes diferentes para assinar as suas obras literárias: o seu próprio nome (ortónimo) e pseudónimos (heterónimos).Os heterónimos de Fernando Pessoa chamavam-se Álvaro de Campos, Ricardo Reis e Alberto Caeiro. Tinham personalidade própria e características literárias diferenciadas.

 

[Levava eu um jarrinho]


Levava eu um jarrinho
Para ir buscar vinho;
Levava um tostão
P'ra comprar um pão;
Levava uma fita
Para ir bonita.

Correu atrás
De mim um rapaz.
Foi o jarro p'ra o chão,
Perdi o tostão,
Rasgou-se-me a fita...
Vejam que desdita!

Se eu não levasse um jarrinho
Para ir buscar vinho,
Nem levasse um tostão
P'ra comprar um pão,
Nem levasse uma fita
Para ir bonita,
Nem corresse atrás
De mim um rapaz
Para ver o que eu fazia,
Nada disto acontecia.

 

Fernando Pessoa

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:29




Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D